TSURU PÁSSARO POETA

Tsuru de eternidade...
Mil desejos eu fiz.
Trazendo você pelo bico-tear.
Ninho brotando no seu coração.
Sou pássaro humano
Meus braços alados o vento leva.
Teimando em pousar.
Um poema rasgando ninho
Em ti repousa palavras
Traduzindo apenas o amor
Que eu pássaro-gente
Não sei cantar,
Porque já sou Tsuru
Voando no Céu
Bordando seu nome
Para mil anos brilhar
Dentro de mim.

SÔNIA ORTEGA WADA

Nota: Esta ave símboliza saúde, fortuna, boa sorte e felicidade


quarta-feira, 11 de março de 2009

Resumo sobre a " ANDORINHA "



As andorinhas nos beirais das casa, indicam a chegada da "Primavera" no território Português. É uma ave que exibe uma grande agilidade enquanto voa.
Esta ave tem uma particularidade, é que durante o tempo que nos visita, faz o seu ninho, ou reconstrói o antigo, no sítio onde ela própria nasceu. Se esse espaço está ocupado, então, sim, vai procurar outro lugar, mas nunca muito longe do seu ninho original. Elas constroem os seus ninhos com palha e lama.
As fêmeas fazem uma postura de 4 a 5 ovos e são incubados cerca de 23 dias.
Passado o tempo de incubação, os jovens nascem e são alimentados pelos progenitores. As crias medem cerca de 13cm (comprimento) e podem viver cerca de 8 anos. Quando a temperatura começa a baixar, elas juntam-se em grandes bandos e voam para Sul, à procura de temperaturas mais altas do continente Africano, para voltar na " Primavera " seguinte.

2 comentários:

  1. Oi Rosa,
    O teu blog está muito bonito. Prabens.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Ola Rosa,
    Então o coelhinho da Páscoa? Estou à espera de ver...
    Beijinhos

    ResponderEliminar